sábado, 15 de agosto de 2009

A Intérprete

Uma das minhas atrizes prediletas é, sem sombra de dúvida, Nicole Kidman. Além de linda e talentosa australianense (australiana + estaduniense) faz papéis brilhantes e inspiradores. E quando um filme tem Nicole Kidman no seu casting eu assisto porque tenho certeza de que irei gostar.
Essa semana assisti o filme A Intérprete gravado em 2005, tendo no elenco o ator Sean Penn. O suspense deixa você extremamente atento do ínicio ao fim e para os fãs de romance dentro de uma história policial assim como eu, ansiosos para o beijo entre Nicole e Sean.
O filme relata a história de Silvia Broome, intérprete de ONU que, enquanto vai buscar umas coisas no trabalho de noite, escuta, em um dialeto africano raro, uma ameaça de morte a um chefe de estado americano. A partir daí ela começa a ser perseguida e conta com a proteção de um agente especial do serviço secreto, que não acredita na moça e, ao passar a investigar seu passado começa a suspeitar que ela esteja envolvida em uma conspiração.
Esse foi o primeiro filme que teve liberação para ser gravado dentro da sede da ONU.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

" Liberdade é pouco! O que eu quero ainda não tem nome "
Clarice Lispector