quinta-feira, 8 de janeiro de 2009

• TPM




Toda mulher passa por aquele periodozinho insuportável antes ou durante do período menstrual: a famosa TPM. A reviravolta de sentimentos (raiva, tristeza, agonia, agitação...) junto à cólica menstrual, deixam qualquer mulher louca. Isso é um fato!
Não tem por onde correr, de vez em quando você vai chorar descontroladamente com um filme romântico ou então porque você quebrou alguma coisa em casa. Ou então, vai dar patadas nas pessoas que falam alguma coisa boba que você leva como uma chamada de morte. É normal, as pessoas - principalmente os homens! - têm que entender que isso ocorre. Mas temos que tentar evitar também. Ficar quietinha no seu quarto escutando música ou lendo um livro é uma boa de vez em quando.
Mas, existem também exercícios e tipos de alimentação que podem ajudar:
" Supõe-se que uma ingestão aumentada de cálcio poderia prevenir as alterações no humor antes e após o período menstrual. Assim, um copo de leite magro extra, ou uma xícara de couve por dia, parecem ajudar na cura ou prevenção destas alterações de humor " e " Uma pequena ingestão de carboidratos ricos em amidos (pão, batata, massas, aveia, arroz), a cada 3 horas, e uma hora, ou menos, antes de se deitar ou levantar, combate os sintomas da TPM "
Mais dicas no site: Velhos Amigos
" Movimentos de yôga podem ajudar a amenizar a TPM, atuando como relaxantes em dias de fúria ou estimulantes quando o problema é a sensação de moleza. Para os dois casos, a professora Maria Renée Janikian, da Fórmula Academia, sugere a sequência de 12 posturas da saudação ao sol (surya namaskar). O resultado varia conforme o jeito de respirar e o tempo usado no movimento "
Imagens da série de exercícios e Matéria Completa: Eu Mary

2 comentários:

  1. Eu estava assim, mas era de desânimo mesmo. Ainda estou, espero que melhore.
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. menina eu estou na TPM, e esse mes nao sei pq eu apenas fiquei irritada um dia e meio, sóoooo, graças a Deus. mas de quluqer forma TPM é sempre TPM, ninguem merece, valeu as dicas. beijos

    ResponderExcluir

" Liberdade é pouco! O que eu quero ainda não tem nome "
Clarice Lispector